sexta-feira, fevereiro 01, 2013

Luz no útero controla o desenvolvimento do olho

Novas descobertas podem melhorar a compreensão das doenças que causam cegueira em bebês prematuros.

O desenvolvimento adequado do cérebro é altamente dependente de experiências sensoriais no início da vida. A partir do momento em que nascemos, a luz que entraram em seus olhos começaram a ajustar as respostas das células em seu córtex visual e moldaram o crescimento global de suas vias visuais. Abraços de seus pais e carícias impulsionam o desenvolvimento de seu sistema somatossensorial, o caminho que detecta toque e dor.
Uma equipe de pesquisadores americanos fornece evidências de que as experiências sensoriais ANTES do nascimento desempenham um papel importante no desenvolvimento do olho. Numa série de experiências realizadas em ratos, eles descobriram que a luz no útero regula o crescimento de vasos sanguíneos e do número de neurônios da retina. Os resultados, publicados na revista Nature , pode melhorar a nossa compreensão de doenças oculares que podem causar cegueira em bebês prematuros.
O estudo publicado mostrou que fêmeas de ratos que passaram o período de gestação em completa escuridão tiveram bebês com o desenvolvimento do olho alterado. Concluíram que a luz que passa através do corpo e chega ao útero tem um papel importante no desenvolvimento do olho. De acordo com os cientistas, pequenas quantidades de luz seriam necessárias para controlar o crescimento de vasos sanguíneos nos olhos.
Créditos da Imagem: Hashem AL-ghaili

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião: