quinta-feira, maio 16, 2013

Receber o aluno com deficiência na sala de aula não significa inclusão

Não atendemos síndromes, doenças ou patologias, mas sim uma criança, um aluno, um adolescente, adulto que tenha alguma diferença. Isso é cultural e por isso leva-se tempo para que a cultura da patologia e modelo médico se dissolva para vermos pessoas no lugar de doenças. Veja matéria na íntegra: http://migre.me/ezu0V

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião: