quarta-feira, julho 09, 2014

CEMESPI visita Museu Etno-arqueológico de Itajaí

Há quase dois anos, a Fundação Genésio Miranda Lins (FGML) inaugurava o Museu Etno Arqueológico de Itajaí. Para lembrar a data de criação da unidade, uma série de manifestações artísticas envolvendo música, arte popular e dança será oferecida gratuitamente à população na próxima segunda-feira (25), a partir das 19h30, no Bairro Itaipava.
Inaugurado no dia 25 de junho de 2010, a unidade foi criada para proteger, pesquisar e comunicar a cultura das populações que povoaram as áreas rurais de Itajaí e região. Para o diretor da unidade, o arqueólogo Darlan Cordeiro, Itajaí é uma das poucas cidades de Santa Catarina a possuir uma unidade museológica temática. “Poucos município têm o privilégio de ter um museu. São menos de 20% em todo país, quem dirá um museu temático sobre etnografia e arqueologia. Além disso, temos um laboratório de arqueologia equipado como poucos no Brasil, exceto os das universidades que trabalham com a temática”.
Além do Museu, o complexo museológico inclui um laboratório de arqueologia com acervo e equipamentos para estudo, espaços de reserva técnica, área de atividades para educação patrimonial e exposições sobre "Arqueologia Pré-Histórica", "Arqueologia Histórica e História da Estação Ferroviária", "Casa Rural", "Folclore local - Boi de mamão" e "Lavores rurais".

Recepção 


Explicação sobre a antiga estação ferroviária.

Peças antigas.





Arqueólogo responsável.









































Agora um lanchinho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião: